Detran Rondônia e Polícia Rodoviária Federal realizam blitz educativa em Porto Velho



Detran Rondônia e Polícia Rodoviária Federal trabalham em parceria ações educativas

O Departamento Estadual de Trânsito – Detran Rondônia e a Polícia Rodoviária Federal – PRF estão trabalhando juntos em ações educativas. Na noite da quarta-feira, 1º agentes do Detran e da PRF realizaram blitz educativa na Rodovia BR-319 – antiga Avenida Governador Jorge Teixeira, na área urbana de Porto Velho. A ação teve cunho educativo sobre a importância de usar os equipamentos obrigatórios e a manutenção do veículo para garantir a segurança dos usuários.

O diretor-geral do Detran Rondônia, Paulo Higo Ferreira de Almeida ressaltou a importância da parceria com a Polícia Rodoviária Federal que tem dado apoio ao Detran nas ações educativas e repressivas também. “Detran e PRF trabalhando em ações conjuntas para um trânsito mais seguro. Quem ganha com essa parceria é a sociedade”, afirmou.

O diretor técnico de Educação de Trânsito – Dtet, Ruymar Pereira Lima, disse que o Detran Rondônia tem intensificado as ações de orientação de trânsito para público adulto, e as ações educativas para o público infantil. “Nós orientamos o público adulto e trabalhamos na educação e cultura do trânsito seguro com as crianças, para que no futuro elas sejam condutoras conscientes”, afirmou Ruymar Pereira.

O coordenador de equipe e também agente de trânsito do Detran Rondônia, Tiago Galdino agradeceu a Polícia Rodoviária Federal pelo apoio que tem dado nas blitzes realizadas nas vias federais como é o caso da Rodovia BR-319. “Aqui é bastante movimentado e ocorrem muitos sinistros de trânsito. A presença da Polícia Rodoviária Federal e do Detran trabalhando em conjunto é muito importante para a segurança dos transeuntes”, garantiu o agente de trânsito.

ITENS DE SEGURANÇA

Ao serem abordados pelos agentes, os condutores são orientados sobre a importância de usar corretamente os itens de segurança que compõe o veículo. No caso dos carros, usar o cinto de segurança que protege de possíveis impactos ou arremesso para fora do veículo, em casos de colisões. O cinto de segurança reduz os riscos de ferimentos na cabeça, rosto, pescoço e na coluna em caso de acidente.


Os condutores são orientados sobre os itens de segurança dos veículos

Outra irregularidade muito comum praticada pelos condutores que também é orientada pelos agentes do Detran é quanto levar objetos soltos no carro, seja nos bancos ou assoalho. O Código de Trânsito Brasileiro – CTB dispõe, no artigo n. 248, que é infração de natureza grave transportar, em veículo destinado ao transporte de passageiros, carga excedente fora do porta-malas.

No artigo n.109, o CTB informa ainda que o transporte de carga em veículos destinados ao transporte de passageiros só pode ser realizado de acordo com as normas estabelecidas pelo Conselho Nacional de Trânsito – Contran. A desobediência pode gerar multa e cinco pontos na Carteira.

Os motociclistas, maiores vítimas de sinistros de trânsito em Rondônia, são orientados a respeitarem a legislação de trânsito e o uso obrigatório dos equipamentos de segurança individual, como capacete, dentro do prazo de validade. O condutor deve usar a viseira do capacete abaixada ou usar óculos para proteger de possíveis insetos, usar roupas e sapatos adequados que proteja em caso de queda.

DADOS ESTATÍSTICOS

Dados preliminares do Registro Nacional de Sinistro e Estatísticas de Trânsito – Renaest do Detran Rondônia apontam em comparativo dos dados de 2020 e 2021 que ouve aumento no número de sinistros de trânsito em Rondônia. Em 2020 foram registrados no Estado 10.990 acidentes. Em 2021 foram registrados 11.337 sinistros em Rondônia.

Os dados também mostram que no mesmo período o número de sinistros envolvendo motocicletas passou de 7.175 em 2020 para 7.817 em 2021. O número de vitimas fatais no trânsito também aumentou significativamente passando de 417 em 2020 para 438 em 2021. Dos 417 mortos no trânsito em 2020, 229 vitimas estavam conduzindo motocicletas. Em 2021 das 438 mortes no trânsito, 255 eram usuários de motocicletas.


Fonte
Texto: Eleni Caetano
Fotos: Eleni Caetano

Secom - Governo de Rondônia 

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu