Qualidade da energia aumentou 59% em Rondônia nos últimos três anos

Porto Velho, RO - Os investimentos em tecnologia, infraestrutura, gestão e aumento de equipes de atuação de campo são alguns dos segredos da Energisa para aumentar em 59% a qualidade de energia em Rondônia. Isso representa maior frequência do fornecimento de energia e cerca de 25 horas a mais de energia disponível no período.

A análise considera os dados dos últimos 26 meses. Desde que a empresa assumiu a concessão no estado, no final de outubro de 2019, ela investiu cerca de R$ 2,5 bilhões na construção e modernização de 74 subestações e na expansão de seis quilômetros de redes de energia. “Foi um grande desafio tocar tantas obras simultaneamente em todo estado, mas que deram grandes resultados. As ocorrências de falta de energia caíram pela metade”, explica do diretor técnico da empresa, Fabrício Medeiros. O diretor ressalta que as obras seguiram o cronograma de execução mesmo durante a pandemia, seguindo todos os protocolos de segurança, garantindo energia elétrica de qualidade para a população em isolamento social.

A evolução dos indicadores de duração e frequência do fornecimento de energia são acompanhados mensalmente pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que estabelece metas de qualidade do serviço. Medeiros observa que o bom resultado alcançado pela empresa em curto período é fonte de motivação para que a qualidade do serviço continue evoluindo. “Isso abrange desde o uso de novas tecnologias ao planejamento estratégico para a manutenção preventiva nas redes de energia durante o período de seca”, declara, ao lembrar que o sistema elétrico está sujeito a faltas de energia provocadas por fatores externos como, por exemplo, fortes temporais, acidentes de trânsito envolvendo postes e queimadas próximas à rede elétrica.

Acesse www.energisajuntos.com.br/ro para conhecer detalhes dos investimentos da Energisa no estado.

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu