Vasco e Cruzeiro se enfrentam no Maracanã, com ingressos já esgotados

Duelo da Série B será transmitido na Rádio Nacional a partir das 16h

Porto Velho, RO - Duas das equipes mais tradicionais do futebol brasileiro, Vasco e Cruzeiro são também os dois times em melhor fase na Série B do Campeonato Brasileiro deste ano e colocam à prova o bom momento em um duelo de altas expectativas neste domingo (12), às 16h (horário de Brasília), no Maracanã. O Cruzmaltino - cuja casa habitual é o estádio de São Januário - alterou o local do jogo e contará com sua torcida em peso. Os ingressos dos dois lados se esgotaram rapidamente e são esperados mais de 65 mil torcedores. De um lado estará a Raposa, líder da competição com 28 pontos; do outro o Cruzmaltino, terceiro colocado e único invicto, com 21 pontos. A Rádio Nacional transmite o jogo com narração de Rodrigo Campos, comentários de Bruno Mendes, reportagem de Rodrigo Ricardo e plantão de notícias com Astrid Nick. 


O Vasco viveu dias agitados desde o anúncio da saída do técnico Zé Ricardo, há exatamente uma semana. Ele pediu demissão para assumir o Shimizu S-Pulse, da primeira divisão japonesa. Dois dias depois, o time, comandado pelo auxiliar Emílio Faro, bateu o Náutico, em Recife, por 3 a 2, conquistando sua primeira vitória fora de casa na competição, depois de quatro empates. No total, são cinco vitórias e seis empates na Série B, que deixam o clube em posição confortável dentro do G4. A princípio, o Vasco seguirá sendo dirigido por Faro, já que a diretoria ainda não definiu um novo comandante.

Em relação ao time que venceu o Timbu, o técnico interino deverá escalar novamente o zagueiro colombiano Juan Quintero, que estava suspenso e foi substituído pelo estreante Danilo Boza.


Pelo lado do Cruzeiro, o movimento é de saída na zaga, já que Eduardo Brock recebeu o terceiro cartão amarelo diante do CRB, na última quarta e está fora do jogo. A expectativa é que a vaga seja ocupada por Geovane Jesus, que já o substituiu durante o jogo no Mineirão, em Belo Horizonte,

As retaguardas, aliás, são armas fortes de ambas as equipes. O jogo deste domingo colocará frente a frente duas das melhores defesas do campeonato. Junto ao Grêmio, o Cruzeiro tem o menor número de gols sofridos (quatro), enquanto o Vasco vem logo depois, empatado com o Sport, com cinco.

Se o adversário deste domingo ainda não perdeu na Série B, o Cruzeiro sustenta invencibilidade quase igual, já que só foi derrotado na rodada de abertura, pelo Bahia. Desde então, são dez jogos sem perder, com nove vitórias e um empate, sendo oito desses triunfos de forma consecutiva, em sequência que está em vigor.

Durante este período, a equipe treinada pelo uruguaio Paulo Pezzolano também avançou na Copa do Brasil, onde duelará com o Fluminense nas oitavas de final. O Vasco, por sua vez, não disputa mais nenhuma competição até o final do ano.

Fonte: Igor Santos - Repórter da EBC

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu