: mais uma vez populares tentam bloquear ação da Polícia Ambiental em RO

 



Na última terça-feira, 14, uma situação audaciosa de madeireiros do município de Cujubim, repercutiu a nível nacional, ao atravessarem seus veículos na frente de uma viatura da Polícia Militar Ambiental, que escoltava um carregamento ilegal de madeira apreendido, porém, a “moda acabou pegando” e mais uma vez uma guarnição teve que se sujeitar à enfrentar a revolta de moradores, durante uma apreensão de veículos e de um carregamento de madeira de origem criminosa.

Desta vez, a situação ocorreu na sexta-feira, 17, no interior da Unidade de Conservação e Estação Ecológica de Samuel, no município de Candeias do Jamari-RO.

Na ocasião, militares escoltavam 01 trator, 01 caminhão e 438 estacas que foram apreendidos, quando moradores atravessaram um caminhão caçamba na estrada, tentando impedir as equipes de fiscalização que conduziam os materiais e maquinários.

Depois de muitos atoleiros superados, as equipes lograram êxito na condução dos materiais apreendidos ao pátio do Batalhão Ambiental em Candeias do Jamari-RO, mas durante o trajeto, tiveram que lidar com as ações intimidatórias dos moradores, que efetuavam disparos de arma de fogo em suas propriedades, como sinal de revolta à fiscalização da estração ilegal de madeira na área.



Foto: Reprodução

Fonte: segundonews

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu