Família identifica motorista carbonizada após batida frontal com ônibus na BR-364, em RO

Carro onde estava Mariele — Foto: Armando Junior/Rede Amazônica

Porto Velho, RO - Familiares identificaram a motorista que morreu no carro que explodiu ao colidir contra um ônibus no último sábado (11), na BR-364, em Ouro Preto do Oeste (RO).

A vítima foi identificada como Mariele Pádua, de 22 anos. A jovem era de Uberlândia (MG) e se mudou para Rondônia há cerca de três meses para estudar medicina veterinária.

A identificação da vítima aconteceu através de objetos pessoais que estavam no veículo carbonizado.

Mariele Pádua morreu após colisão na BR-364, em RO, diz família — Foto: Facebook/Reprodução

Segundo amigos da jovem, o corpo de Mariele foi transladado para Minas Gerais, onde foi sepultado pela família.

À Rede Amazônica, o delegado Niki Locatelli disse que os objetos pessoais encontrados no local do acidente indicam que o carro estava sendo conduzido por uma mulher. Um exame de DNA também vai ser realizado para confirmar a identidade da condutora do veículo.

Apaixonada por animais

Nas redes sociais, Mariele sempre demonstrou sua paixão por pets. Em várias fotos postadas ela aparece fazendo carinho em cachorros.
Mariele Pádua sempre postava fotos com animais em suas redes sociais — Foto: Reprodução

O amor por animais era tão grande que, segundo amigos, acabou levando Mariele para o curso de medicina veterinária.

Segundo amigos, a jovem começou estudando medicina veterinária na cidade Ouro Preto do Oeste, mas transferiu sua matricula do curso para para um centro universitário em Ji-Paraná, onde teve apenas uma semana semana de aula até se envolver no acidente.

Nas redes sociais, familiares e amigos lamentaram o acidente da jovem universitária.

Batida frontal

O ônibus da Eucatur e o carro de Mariele colidiram de frente em uma curva da BR-364 no último fim de semana, perto do Morro Chico Mendes, em Ouro Preto do Oeste. Devido ao impacto, o ônibus capotou em um barranco e o carro pegou fogo.

Frente do ônibus após colisão e capotamento na BR-364 — Foto: Rauã Araújo/Rede Amazônica

Silvio, o motorista do ônibus, morreu no local e a condutora do carro morreu carbonizada. Pelo menos 10 pessoas que estavam no ônibus ficaram feridas e foram levadas para o Hospital Municipal.

Na colisão do último sábado (11) também morreu o motorista do ônibus da Eucatur, identificado como Silvio Paulo da Rocha, de 48 anos. O funcionário da empresa foi sepultado no cemitério de Presidente Médici (RO) no último domingo (12).

Pelo menos 10 pessoas que estavam no ônibus ficaram feridas e foram levadas para o Hospital Municipal de Ouro Preto do Oeste.

Fonte: Rauã Araújo, g1 RO e Rede Amazônica

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu