Alunos vão à aula com Covid após UBS dar atestado de apenas 4 dias

  

Foto: Reprodução

Porto Velho, RO - Médicos de uma Unidade Básica de Saúde (UBS) de São Paulo dão atestado de apenas 4 dias para pacientes com testes positivos para Covid-19 e pelo menos dois alunos frequentam escola com sintomas da doença.

De acordo com recomendação da Secretaria de Saúde, o período de afastamento deve ser de, ao menos, 7 dias. Ao G1, a mãe de um dos jovens alegou que o filho tinha prova e que a escola não aceitou a justificativa para a ausência do aluno.

“Ele voltou para a escola em uma terça, e o professor ficou indignado de um aluno com Covid estar na sala”, disse.

“Na escola, eles falaram que não podiam fazer nada se o médico deu só quatro dias. Aí eu falei que não ia mandar ele para a escola porque não era justo ele transmitir para os colegas. Eu disse que sabia que ele ficaria com falta, mas que estava justificando a ausência dele. Aí me disseram que sem atestado não tem justificativa”, completou a mãe.

Ao Metrópoles, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informou que o protocolo atual indica que o afastamento de sete dias é definido a partir do início dos sintomas e que, caso os sintomas tenham começado há três dias, o atestado será de apenas quatro dias.

No caso de os sintomas permanecerem após os sete dias, o isolamento deve ser mantido até o 10º dia.

Fonte: Metrópoles

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu