Denúncia leva PM a estourar “boca” e recuperar objetos furtados; bicicleta elétrica de idosa foi encontrada no local

 



Na noite dessa quinta-feira, 31, durante patrulhamento de rotina, uma guarnição da Polícia Militar foi parada por um homem que disse ter presenciado uma pessoa deixando objetos suspeitos em uma residência no bairro Barão de Melgaço III, em Vilhena.

Os militares foram até o endereço apontado pelo denunciante, onde o proprietário, que estava acompanhado da esposa, autorizou a entrada da equipe. No local, além de uma arma de fogo do tipo garrucha, os policiais encontraram drogas e vários objetos de origem duvidosa.

O casal disse que o material havia sido entregue por um morador do bairro Cidade Verde II, mas não entrou em detalhes. Neste momento, um outro homem chegou ao local em uma bicicleta elétrica, cuja origem ele não soube informar, mas admitiu ter ciência de que o veículo tinha procedência criminosa.

A bicicleta provavelmente é a mesma que pertence a uma mulher que teve sua casa arrombada em fevereiro deste ano. Ela usava o veículo para vender bolos e garantir alguma renda, pois estava com seu benefício previdenciário suspenso.

Pelo menos dois homens reconheceram parte dos objetos encontrados no que aparenta ser uma “boca-de-fumo”. Um deles teve sua casa saqueada e perdeu cerca de R$ 30 mil em produtos. Ontem, uma bicicleta levada da casa dele pelos ladrões foi recuperada.

Diante dos fatos, todos os suspeitos receberam voz de prisão e foram apresentados na Unisp, para onde também foram levados os objetos recuperados.


Foto: Reprodução/Folha do Sul Online

Fonte: Folha do Sul Online

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu