Moradores têm casas alagadas em Candeias do Jamari, RO

 

A abertura das comportas da barragem da Hidrelétrica de Samuel pode provocar novos alagamentos.

Porto Velho, RO - O município de Candeias do Jamari, localizado a 52 quilômetros de Porto Velho, está com casas alagadas pela cheia do rio Jamari. Situação ocorre principalmente devido ao aumento de chuvas. As residências mais atingidas são de bairros da Zona Norte da cidade, que ficam próximas ao rio.

O município pode ter mais áreas alagadas por causa da abertura das comportas da barragem da Hidrelétrica de Samuel. Segundo a previsão da Eletronorte, o alagamento pode acontecer nas áreas de várzea, abaixo do rio Jamari.

Em caso de emergência, o morador deve acionar imediatamente o Corpo de Bombeiros pelo 193.

As comportas da usina foram abertas por volta de 15h40 desta quinta-feira (3), com despejo de 200 mil litros de água por segundo no rio. De acordo com a Eletronorte, as comportas precisaram ser abertas por segurança.


Moradores têm casas alagadas em Candeias do Jamari, RO — Foto: Rede Amazônica/Reprodução

Os moradores contaram que o local sofre com enchentes todos os anos neste período por causa das chuvas, tanto que é costume dos ribeirinhos saírem da região durante o inverno e retornarem no verão.

Contudo, a abertura das comportas da usina pode fazer o rio atingir níveis além dos registrados anualmente pela chuva. Por isso, muitos moradores estão construindo bases mais altas para elevar as casas, e outros estão procurando abrigos.

Segundo a Eletronorte, as comunidades ribeirinhas próximas ao rio foram informadas previamente sobre a abertura das comportas.


Moradores têm casas alagadas em Candeias do Jamari, RO — Foto: Rede Amazônica/Reprodução

Fonte: G1/RO

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu