Publicidade

Rondônia volta a ficar sem leitos de UTI e tem 26 pacientes na lista de espera



O caos na saúde pública de Rondônia aumentou nesta sexta-feira (5), segundo explicou o secretário Fernando Máximo, durante coletiva com a imprensa no final da manhã. Todos os 291 leitos de UTI utilizados para tratamento de pacientes com Coronavírus estão ocupados e há uma fila de 26 pessoas aguardando transferência em leitos comuns.

Máximo afirmou que Rondônia não tem mais condições de criar novos leitos e que a transferência de pacientes para outros estados teve que ser retomada, mas agora para o Mato Grosso do Sul, uma vez que Cuiabá teve aumento significativo de casos e por isso não recebe mais doentes rondonienses. Mais informações em instantes.


Fonte: Rondoniagora