Publicidade

Governo adquire quatro “Unidades Móveis de Educação Profissional” para atender distritos de Rondônia



Para atender o desafio da expansão da educação profissional com a meta de formação de 15 mil pessoas em cursos profissionalizantes em 2021, o Governo de Rondônia por meio secretaria de Estado da Educação (Seduc), traçou planos e estratégias visando a potencialização e o fortalecimento da capacidade produtiva do Estado através da qualificação da mão-de-obra vinculada ao desenvolvimento social.

Dentre estas ações, destacam-se a aquisição de quatro “Unidades Móveis de Educação Profissional”, no valor de R$ 8.897.000,00, (Oito milhões, oitocentos e noventa e sete mil reais), para atender os eixos de Produção Alimentícia, com a unidade de Panificação e Confeitaria e a unidade móvel de Processamento de Pescado. Outras duas unidades móveis vão atender o ramo de Ambiente e Saúde, que trabalhará a Imagem Pessoal e o setor de Processos Industriais, com a unidade móvel de Manutenção de Máquinas Pesadas.

A aquisição das unidades móveis foi realizada pelo Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional (Idep). As unidades móveis são “escolas completas”, equipadas com tecnologia de ponta que vai oportunizar a população o acesso à educação profissional em localidades antes não atendidas pelas políticas públicas, sendo este um marco do Governo de Rondônia.

O secretário da Educação, Suamy Vivecananda, disse que a novidade dos investimentos para a população rondoniense foi possível a partir da autorização do governador, coronel Marcos Rocha para o fortalecimento da educação profissional. “Nós orçamos e o Idep adquiriu. Agora essas quatro grandes unidades móveis vão contribuir para chegarmos aos distritos, entre eles Nova Mutum, com muita força para atender essa gente. Com isso não será necessário construir uma escola de habilitação profissional e laboratórios. Basta que seja feito um planejamento e que a carreta chegue e faça o atendimento ficando entre 90 e 120 dias, dependendo do curso, e logo após o encerramento, as unidades já podem seguir para outros distritos para atender uma outra população. Isso é avanço socioeconômico, isso é bom para a população, para Rondônia”, disse o secretário.

O Idep ainda está na fase final de contratação dos instrutores que vão ministrar os cursos nestas unidades nos diversos polos de atendimento, elevando a qualidade do ensino da educação profissional no Estado.“Nós devemos receber essas novas unidades em maio, enquanto isso vamos trabalhando a profissionalização de forma remota, e esperamos que até lá a pandemia já tenha acabado, para poder pôr em prática as aulas utilizando esses novos veículos” anseia a presidente do Idep, Adir Oliveira.

De acordo com o governador, coronel Marcos Rocha, a expansão da educação profissional esta entre suas principais metas de Governo. “Desde o início do Governo, falamos sobre educação profissional e temos esse sonho, porque sabemos que o desenvolvimento do nosso Estado e do país, passa pela questão do trabalho, da profissionalização da nossa população”, finalizou.


Fonte
Texto: Marina Espíndola
Fotos: Dàphine Silveira
Secom - Governo de Rondônia