Header Ads

Governo traça estratégias e avalia medidas necessárias para conter o avanço da Covid-19 em Rondônia



Medidas consideradas necessárias e urgentes para salvar vidas e conter o avanço do coronavírus estão sendo debatidas pelo Governo de Rondônia, através de reuniões realizadas pelo Comitê Interinstitucional de Prevenção, Verificação e Monitoramento dos Impactos da Covid-19. Durante toda a manhã desta sexta-feira (15), o Grupo de Trabalho Técnico-Científico esteve reunido, por meio de videoconferência, quando foram pontuados encaminhamentos que estão sendo analisados de forma minuciosa e, posteriormente, oficializados para o conhecimento da população rondoniense.

O Governo tem realizado campanhas e ações que reforçam a importância das medidas de prevenção contra a transmissão do coronavírus, além de intensificar a fiscalização através operações de fiscalização em estabelecimentos comerciais sujeitos a aglomerações, entre outras que podem ser determinadas no novo decreto. Participando das reuniões, o vice-governador, José Jodan, enfatizou que os encontros estão sendo decisivos para implementação de medidas que combata o avanço da doença.

O titular da pasta da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), Fernando Máximo, deixou claro que todas as providências estão sendo tomadas para salvar vidas. “O governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, tem orientado para que não ocorra em Rondônia o que já vem acontecendo em outros estados. Nossa situação é de vigilância e nesse momento é importante o apoio da população”, enfatizou o secretário

Com o mesmo objetivo, o Grupo de Trabalho Técnico-Científico na sala de situação realizou uma discussão prévia para onde foram apresentadas propostas ao Comitê, como ainda discutiu sobre a possibilidade de barreira sanitária entre o Amazonas e Rondônia. Desde o início da semana, o Governo do Estado tem tomado medidas necessárias para o enfrentamento à pandemia. Inclusive, Rondônia repassou um recurso de mais de R$ 14 milhões para atender os 52 municípios de forma proporcional a quantidade de habitantes. Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (Sesau), o repasse levou em observação os critérios de superlotação de leitos de UTI e a incidência de casos nos municípios.

Na oportunidade, o secretário da Sesau, Fernando Máximo, ao mencionar a situação crítica em Manaus no Amazonas, tranquilizou informando que não há a possibilidade de faltar oxigênio em Rondônia. Mas que medidas de prevenção devem ser tomadas com cuidado para diminuir o índice de casos de contaminação do vírus no Estado.

O Governo do Estado tem adotado diversas medidas antecipadas para evitar uma crise, entre elas, reuniões estratégicas para discutir as tratativas. É importante mencionar que as sugestões apontadas durante a reunião estão sendo analisadas quanto a viabilidade de serem aplicadas e determinadas em novo decreto.

MEDIDAS 

Durante a reunião, foram pontuadas algumas medidas que serão analisadas pelo Comitê Interinstitucional de Prevenção, Verificação e Monitoramento dos Impactos da Covid-19, entre elas, a possibilidade de ser intensificado o home-office no setor privado e serviço público obrigatório (exceto atividades essenciais como Saúde e Segurança Pública), a suspensão de alvará de estabelecimentos comerciais onde haja aglomeração proibidas no decreto, operação de fiscalização para que as medidas tenham efetividade, toque de recolher das nove da noite às seis da manhã, atualização dos números de ativos em Rondônia informada em ordem crescente dos últimos cinco dias e fechamento de espaços públicos (Espaço Alternativo, praças e parques).


Texto: Emanuelle Pontes e Paulo Ricardo
Fotos: Frank Néry
Secom - Governo de Rondônia
Governo traça estratégias e avalia medidas necessárias para conter o avanço da Covid-19 em Rondônia Governo traça estratégias e avalia medidas necessárias para conter o avanço da Covid-19 em Rondônia Reviewed by Adm on sábado, janeiro 16, 2021 Rating: 5

Recent Posts

Recent