Header Ads

Após assassinato de atriz pornô, suspeita do crime vendeu seus pertences no Rio de Janeiro

Reprodução

 A suspeita de esfaquear e matar a atriz pornô Luane Honório de Souza, conhecida como Aline Rios, vendeu pertences da vítima logo após o crime.

De acordo com as investigações, Vitória R. A. S, de 18 anos, foi vista no Centro de Nilópolis (RJ) oferecendo um secador de cabelo, uma chapinha e um aparelho de micro-ondas da atriz pornô.

As informações são do jornal Extra.

Vitória havia sido acolhida pela vítima na casa dela uma semana antes do crime. Ela é dependente química e foi ajudada pela atriz, com quem passou a dividir o imóvel.

Ambas já se conheciam há alguns anos. Conforme a Polícia Civil, a suspeita foi indiciada por homicídio provocado por arma branca e sua prisão será pedida ao Poder Judiciário na próxima semana.

Após o crime, ocorrido no dia 23 de maio, a vítima ficou três meses internada no Hospital Adão Pereira Nunes, em Duque de Caxias (RJ), e morreu em 1º de setembro.


FONTE IstoÉ

Após assassinato de atriz pornô, suspeita do crime vendeu seus pertences no Rio de Janeiro Após assassinato de atriz pornô, suspeita do crime vendeu seus pertences no Rio de Janeiro Reviewed by Voz de Rondônia on sábado, setembro 12, 2020 Rating: 5

Recent Posts

Recent