]

Header Ads

Sem pautar impeachment de Bolsonaro, Maia agora lamenta os 100 mil mortos: 'marca absurda'


Jair Bolsonaro e Rodrigo Maia

Sentado em cima dos diversos pedidos de impeachment de Jair Bolsonaro já protocolados, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, lamentou as 100 mil mortes em decorrência do coronavírus no Brasil.

A pandemia no País é marcada pela falta de uma coordenação nacional, já que o governo Bolsonaro se eximiu de suas responsabilidades.

Mesmo garantindo o Planalto ao bolsonarismo, Maia registrou no Twitter uma mensagem sobre as 100 mil mortes. "Chegamos hoje à absurda marca de 100 mil mortos pela Covid-19. Número que, infelizmente, já havia sido previsto lá atrás, ainda na gestão do ex-ministro Mandetta. Estamos convivendo diariamente com a pandemia, mas não podemos ficar anestesiados e tratar com naturalidade esses números. Cada vida é única e importa. Em nome da Câmara dos Deputados, presto mais uma vez solidariedade aos familiares e amigos das vítimas desta grande tragédia".



Fonte: Brasil 247/(Foto: Marcos Corrêa/PR)
Sem pautar impeachment de Bolsonaro, Maia agora lamenta os 100 mil mortos: 'marca absurda' Sem pautar impeachment de Bolsonaro, Maia agora lamenta os 100 mil mortos: 'marca absurda' Reviewed by Admim on domingo, agosto 09, 2020 Rating: 5

Nenhum comentário

Recent Posts

Recent