Header Ads

Médica de 29 anos não resiste e morre após 1 mês internada com Covid




Mais uma médica faleceu em decorrência da Covid-19 em Cuiabá. Trata-se da profissional Monique Silva Batista, de apenas 29 anos, que não resistiu a doença após praticamente um mês internada na UTI (Unidade de Tratamento Intensiva) do hospital Amecor.
A profissional tinha asma crônica, o que contribuiu para evolução da Covid-19. Natural da cidade de Uberaba, em Minas Gerais, a médica se formou pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

Há um ano, Monique trabalhava no Hospital Coração de Jesus, em Campo Verde (137 km de Cuiabá). Ela também atuava como médica no Programa Saúde da Família (PSF) Rural e Unidade Sentinela do município.

Nas redes sociais, o Hospital Coração de Jesus lembrou a luta e dedicação da jovem. “Monique lutou bravamente, assim como ela fazia no dia a dia em seu trabalho, que realizava com paixão. Infelizmente Dra. Monique Silva Batista, foi mais uma vítima de complicações do Covid-19, que sua luta e trabalho não sejam em vão”, diz trecho da publicação.

Amigos também lamentaram a partida da médica. “É uma mistura de sentimentos, mas hoje, a dor falou mais forte. A revolta das falas irresponsáveis é grande, ver o bar lotado enquanto dentro de uma UTI os profissionais se privam de suas necessidades básicas para não serem infectados. Dói. Dói pregarem a cura messianica e pregarem contra o isolamento. Que Deus te receba de rosa, como você gostava e que Ele conforte a dor de quem fica. Mais uma vez #MedicinaUFMTdeLuto”, diz um depoimento emocionado no Instagram.

Fonte: Folha Max
Médica de 29 anos não resiste e morre após 1 mês internada com Covid Médica de 29 anos não resiste e morre após 1 mês internada com Covid Reviewed by editor on quinta-feira, agosto 13, 2020 Rating: 5

Um comentário

Recent Posts

Recent